sábado, 8 de julho de 2017

Criaturas Sobrenaturais de Sombras - Djinn

DJINN

Ora, se alguns de vocês leram e ainda se lembram da entrevista que fiz no Art Boulevard, mencionei qualquer coisa sobre o Djinn ser o meu monstro mais temido. Ah, talvez porque a minha pesquisa ainda era um pouco fresca na altura, mas fora principalmente influenciada pelas histórias que o meu amigo, da exótica ilha de Maurício, me contava. Coisas do género: “não apanhes uma garrafa vazia na praia, porque uma vez um amigo apanhou e nessa noite bateram-lhe à porta, e ele assustado não abriu e de manhã a porta estava coberta de arranhões profundos…” (última frase para ser lida de forma extremamente dramática).

Ao que parece, a avó do pobre moço era fã em assustar o menino com histórias de terror! A minha cantava-me canções sobre um macaco que tocava guitarra e perdia a cauda e um cuco que não comia couves, mas ei cada um com as suas manias!

Mas quem é esta mitológica criatura que parece assustar tanto a população islâmica?

"– Lilly? – Ouvi a voz de Brian Wright a dizer.
 – Hum?
 – O professor fez-te uma pergunta.
 Olhei para ele como se o visse pela primeira vez desde que entrara na sala.
 – Sabe-me dizer quantos tipos de djinn existem na mitologia Islâmica?
 – Quatro. Água, terra, ar e fogo. – Quando respondi à pergunta corretamente, ele ignorou-me e continuou a aula.”
Sombras, Patricia Morais
O djinn aparece no Corão como sendo uma criação de Deus, juntamente com os anjos e os humanos.
São muitas vezes apelidados como sendo demónios do folclore árabe, mas na realidade os djinn podem ser espíritos tanto maléficos como benéficos (todos nós nos lembramos do génio da garrafa do Aladino, certo?)

No livro sagrado do Islã são apenas espíritos ou forças ocultas, mas o seu folclore evoluiu para começar a atribuir desejos aos mortais que os conseguissem dominar (quem é que não aprecia um belo plot twist?).

E tal como Lilly disse, existem quatro tipos de djinn e os seus poderes dependem dos elementos a que pertencem:


  • Djinn Água – influencia as emoções das pessoas de forma negativa. Por isso, da próxima vez que tiverem um ataque de choro sem motivo, ou sentirem-se estranhamente deprimidos, é bem possível que ande um djinn por perto. Ah, e oiçam isto “em caso de suicídio a vítima morre afogada”. Não apanhem uma garrafa vazia na ilha de Maurício, eu repito não apanhem uma garrafa vazia na ilha de Maurício!
  • Djinn Terra – eu diria que este djinn é um free spirit. Já alguma vez ouviste falar daqueles hippies que parecem não conseguir manter a roupa no corpo? Bem, pelos vistos descobrimos a causa. Estes djinns influenciam as pessoas de forma a que não consigam manter-se fechadas em edifícios, estas fogem para os campos e sentem-se incomodados pelas suas próprias roupas, por isso é que só estão bem quando nus.
  • Djinn Fogo – Algo como o fogo tinha de ser devastador e esgotante. Este espírito é responsável pela inveja e pelo ódio. É o mais ativo deles todos e usa as suas vítimas para matar.
  • Djinn Ar – Aparentemente, é daqui que provém o nosso amigo o génio, porque estes são os djinns que podem ser presos em garrafas. São responsáveis pela falta de ar, por isso da próxima vez que subires um lance de escadas e deres por ti com falta de ar, não culpes a falta de exercício ou uma má cardio, culpa o djinn. As pessoas afetadas também se sentem desanimadas e com falta de energia para realizar tarefas. 

Sem comentários:

Enviar um comentário